Área restrita para assinante do CLUBE CORREIO FRATERNO.



  • Narrow screen resolution
  • Wide screen resolution
  • Auto width resolution
Assinante do CLUBE

Assinaturas

assine_correio

Enquete

Você assina algum jornal ou revista espíritas?
 

Saiu no Correio


selo correio 50

 

Espaço do Leitor


Saiba
aqui como publicar seus textos no Correio Fraterno

 

Livro de Visitas

 

livro-de-visitas

Passatempo

Confira as respostas do  passatempo do jornal

Newsletter

Cadastre-se e receba as principais notícias

Campanha SORRIA

sorria_e_compartilhe_alegria

Home Nossas Seções Direto ao ponto Acordar, ajudar e aprender
Acordar, ajudar e aprender PDF Imprimir E-mail

direto-ao-pontoUmberto Fabbri

Apesar de sabermos que as datas do calendário servem apenas para organizar e direcionar a administração de nossa vida prática, o início de um novo ano, sempre traz consigo novas esperanças e fomenta em nossas mentes a ideia do final de um ciclo e começo de outro. Psicologicamente isto é muito saudável, pois nos permite elaborar reflexões que podem permear novas diretrizes, que nos levem a outros patamares existenciais.

Contudo, como diz o texto de Emmanuel, depende de nós este despertamento para a vida. Acordar do sono egoísta e ilusório que nos faz acreditar em nossa supremacia, que nos leva a observar e valorizar apenas nossas necessidades e desejos, negligenciando as necessidades de nossos semelhantes. Este contexto de necessidades é muito amplo, engloba desde os sentimentos até a administração dos recursos naturais do planeta que habitamos.
Como crianças em tenra idade, frequentemente, registramos apenas nosso mundo íntimo, mas, com o tempo, passamos a perceber e interagir com o mundo externo, com outras pessoas, passando a enxergar que a felicidade do outro gera nossa própria felicidade e que ninguém é feliz sozinho, pois esta condição nasce principalmente do amor que movimentamos ao nosso redor.
Aproveitar a vida sob um olhar materialista, egoísta e imediatista, sugere viver intensamente tudo o que puder nos trazer prazer, independentemente das consequências, uma vez que a vida é breve. Todavia, aproveitar a vida sob o prisma da espiritualidade superior nos remete a compreensão de sermos Espíritos em período de crescimento e aprendizado e que este tempo com que o Senhor da vida nos presenteia 'precisa' ser bem aproveitado. A reencarnação é a divina oportunidade para nos tornarmos melhores através de novas experiências.
É preciso permitir que as mudanças e novos ensaios moldem nosso ser, não nos rebelando, mas aceitando o que é inevitável. Devemos também abraçar o trabalho, a luta íntima para modificar o que nos é permitido.
As transformações que sonhamos quase sempre virão acompanhadas do desconforto, do novo, do desconhecido, o que pode trazer certa resistência. Todavia como poderemos avançar e aprender sem o novo? Sair de nossa zona de conforto é necessário.
Sabiamente Jesus nos ensina que devemos construir o reino de Deus em nossos corações, em nosso íntimo, mas esta construção nos exige esforço, luta e empenho para depois de cada vitória saborearmos a paz que nasce em nossas consciências pelo bem que praticamos, pelas amizades que conquistamos e pelo senso de dever bem cumprido.
É hora de acordar, ajudar e aprender, amando e servindo.

 

Profissional de Marketing, Umberto Fabbri é orador e escritor brasileiro, morando atualmente na Flórida, EUA. Lançou pela Correio Fraterno os livros O traficante e Amor e traição, ditados pelo espírito Jair dos Santos.

 

Publicado no jornal Correio Fraterno - Edição 473 janeiro/fevereiro 2017

 

 

 

Conheça os livros da editora

correio fraterno 

 

carrinho

LANÇAMENTO

mesopotamia-capa
 

 Romance mediúnico clássico, em que o próprio rei assírio conta sobre seus enganos e arrependimentos três mil anos depois de ter levantado o maior império da Civilização Antiga.

 

 Autora: Dolores Bacelar

(Epírito Josepho)

 

ISBN: 978-85-98563-95-4
14 X 21 cm - 728 páginas 

 

R$ 39,90


Correio nas redes sociais


issuu-logocute-twitter-logo

logo-youtube

facebook