Área restrita para assinante do CLUBE CORREIO FRATERNO.



  • Narrow screen resolution
  • Wide screen resolution
  • Auto width resolution
Assinante do CLUBE

Assinaturas

assine_correio

Enquete

Você assina algum jornal ou revista espíritas?
 

Saiu no Correio


selo correio 50

 

Espaço do Leitor


Saiba
aqui como publicar seus textos no Correio Fraterno

 

Livro de Visitas

 

livro-de-visitas

Passatempo

Confira as respostas do  passatempo do jornal

Newsletter

Cadastre-se e receba as principais notícias

Campanha SORRIA

sorria_e_compartilhe_alegria

O valor do tempo PDF Imprimir E-mail

tempoPor Umberto Fabbri

"Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu. Há tempo de nascer, e tempo de morrer; tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou... Já tenho entendido que não há coisa melhor para eles do que alegrar-se e fazer o bem na sua vida". (Eclesiastes 3:1,2,12).
O tempo tem um papel fundamental em nossas existências. Os ponteiros inexoráveis do relógio não param, não se detêm perante os dias, anos e séculos, fazendo do tempo tanto o nosso aliado como o nosso inimigo, dependendo sempre de como o utilizamos. Se soubermos aproveitá-lo, o ganhamos, mas se dele nos descuidamos, o perdemos, porque, como nos lembra o velho dito popular: "O tempo não volta atrás".
Uma grande verdade é que precisamos muito dele. Ele é imprescindível para realizarmos nossa evolução, nosso crescimento material e espiritual. Sem o tempo, como poderíamos usufruir da reencarnação? Como adquirir o conhecimento necessário para apreender as leis divinas e compreender todas as suas aplicações?
Como nos diz a citação de Eclesiastes, Deus nos oferece um tempo para tudo: nascer, crescer, morrer, estágios que nos trazem oportunidades valiosas e em cada um deles, grandes aprendizados.
Na infância a criança está aberta para receber e ser contagiada pela educação, e aprender outros valores, que poderão nortear sua vida futura. É tempo de conquistar corações com a nova apresentação corporal. Vestidos de anjos, encantam os familiares e possivelmente antigos desafetos. É tempo de recomeçar...
Na maioridade, as lutas pela sobrevivência material e emocional se desenvolvem de acordo com nossas disposições e posturas. Buscamos geralmente a felicidade, nos enganamos, nos arrependemos, voltamos a tentar novamente. "Tempo de plantar e se arrancar o que se plantou", porque sempre é possível retomar a oportunidade, e tentar outra vez. Infelizmente, alguns estacionam no meio do caminho se culpando, ou culpando o semelhante e, parados, veem o tempo passar, desperdiçando-o. Mas é tempo de continuar...
Na velhice, consolidamos os aprendizados, aparamos as arestas e temos ainda um tempo de partida, deste, para outro mundo. E quando lá chegamos, tudo recomeça, pois, se por um lado aqui morremos, por outro, em nova dimensão, renascemos. É tempo de refletir...
O tempo não para, tampouco a vida...
Muitos dizem que somente o tempo cura nossas dores, e somente ele pode cicatrizar nosso coração. Na realidade, com sua ajuda, conseguimos trabalhar nosso íntimo, modificando os sentimentos que nos adoecem, aplicando os remédios infalíveis do perdão, da paciência, da compreensão, da fé, da piedade e da resignação.
Para passar bem o tempo, não há forma melhor do que o nosso empenho no trabalho que aprimora nossa essência espiritual, que auxilia os que necessitam e que traz o conforto material.
A preguiça, o desânimo, a ociosidade são inimigos do nosso crescimento, pois matam o tempo e queimam as grandes oportunidades que Deus nos oferece. Todavia, querer acelerar o tempo, cultivando a ansiedade e a pressa, também se constitui uma atitude enganosa. O equilíbrio é fundamental para melhor administrarmos nossa vida, nosso tempo, nossa imortalidade.
Temos a imortalidade à nossa frente, contudo, nos cabe escolher como passaremos por ela. Sofrendo por desperdiçar o tempo ou trabalhando na construção do reino divino em nós para mais rápido usufruirmos da verdadeira felicidade.

Então, não perca tempo!

 

Profissional de marketing, Umberto é orador e escritor brasileiro e mora atualmente na Flórida, EUA. Autor dos livros O traficante e Amor e traição, ditados pelo espírito Jair dos Santos (Correio Fraterno).

 

Publicado no jornal Correio Fraterno - edição 470  julho/agosto 2016

 

Conheça os livros da editora

correio fraterno 

 

carrinho

LANÇAMENTO

mesopotamia-capa
 

 Romance mediúnico clássico, em que o próprio rei assírio conta sobre seus enganos e arrependimentos três mil anos depois de ter levantado o maior império da Civilização Antiga.

 

 Autora: Dolores Bacelar

(Epírito Josepho)

 

ISBN: 978-85-98563-95-4
14 X 21 cm - 728 páginas 

 

R$ 39,90


Correio nas redes sociais


issuu-logocute-twitter-logo

logo-youtube

facebook